Perfil

Criamos esse espaço para que nossos pacientes, amigos e curiosos por nutrição possam sempre encontrar informações, novidades, receitas e dicas que vão de encontro ao nosso atendimento. Esperamos que vocês curtam!

CONTATO:

Rua Dr. Montaury 1441 sala 402. Caxias do Sul/RS
Tel: (54) 30664554
Whats: (54) 981557525
Email: clarisse@corporesanocaxias.com.br
Site: www.corporesanocaxias.com.br
Face: www.facebook.com/clarisse.zanette
Instagran: @clarissezanette

10 de novembro de 2009

Incluir um bom pescado na dieta traz mais saúde



Comer pescado é saudável e saboroso. O consumo regular de pescado traz benefícios à saúde. De modo geral, os peixes são boas fontes de todos os aminoácidos essenciais, que ajudam a formar proteínas, necessárias para o crescimento e a manutenção do corpo humano. São também fontes importantes de ferro, vitamina B12, cálcio e gorduras essenciais, fundamentais ao bom funcionamento do corpo.

O Ministério da Pesca e Aqüicultura e o Misnistério da Saúde, com a agência de Vigilância Sanitária – ANVISA – apresentam dicas de como melhor consumir o pescado:

* Porque o Pescado faz bem?

São fontes de Ômega 3 (atum, pintado, sardinha, salmão, anchova, arenque, tainha, bacalhau e truta). O ômega 3 ajuda a reduzir os riscos de doenças coronarianas, alguns tipos de câncer e no tratamento de doenças inflamatórias (como artrite reumatoide). Além de ajudar na obesidade, porque o teor de gordura do peixe é baixo, fazendo uma órtima opção de proteína e favorecendo o emagrecimento.
Para estes benefícios o ideal é consumir de 1 a 2 g de Ômega 3 /dia ou 2 porções de peixe por semana mostraram resultados positivos.

* O que observar ao comprar pescado?

1) Fresco e resfriado:
• O pescado fresco possibilita ao consumidor verificar a qualidade dos alimentos;
• O peixe deve possuir pele firme, úmida e sem presença de manchas;
• Os olhos devem ser brilhantes e salientes;
• Escamas unidas entre si e brilhantes;
• Mariscos frescos só podem ser vendidos vivos;
• Polvos e lulas devem possuir carne consistente e elástica;
• Livre de contaminantes (areia, metais, plásticos, combustíveis, sabão e moscas).

2) Congelado:
• O pescado congelado industrialmente é submetido a temperaturas menores a -25°C e depois mantido a menores de -15°C;
• A data de validade deve ser sempre verificada.

3) Seco:
• Cuidar mofos, ovos ou larvas de moscas, manchas escurar ou avermelhadas, limosidade superficial, amolecimento e odor desagradavel;
• Sempre armazenado em local limpo e protegido de poeira e insetos
• Exemplo: bacalhau

4) Enlatado ou conserva
• O enlatado é um dos métodos de processamento mais utilizados na conservação do pescado;

• Pescado em conserva é armazenado em recipientes herméticos, sem conservantes podendo ser vendido: “ao natural” (em salmora adicionado ou não de temperos) e/ou“Em azeite ou em óleos comestíveos”

* Atenção a Embalagem:

Dentre as informações obrigatórias, sempre verificar a data de validade e se o produto possui o Selo do Serviço de Inspeção Federal (SIF), estadual e Municipal.

* Dicas de Preparo:

1) Grelhar, assar e cozinhar a vapor são os melhores maneiras de preparar o seu pescado mantendo suas propriedades nutricionais e benefícios à saúde.
2) Quanto de frita os pescados, eles podem absorver o óleo e destruir parte do Ômega 3 e das vitaminas.
3) Deve-se sempre retirar o couro antes de consumi-los.
4) Utiliza temperos naturais: cebola, alho, temperos verdes, manjericão, manjerona, louro, etc.
5) Sempre que a carne estiver pronta ela ficará com a textura branca.
6) Para preparar peixes salgados, você deve dessalgá-lo da maneira correta. Deve-se colocar o peixe com pele e já cortado em água gelada dentro da geladeira e trocar a água 3 vezes por dia. Para manter o sabor do peixe coloque gelo dentro da vasilha.

* Dicas de congelamento domiciliar:

1) Nunca se congela um pescado que já foi descongelado.
2) o peixe pode ser congelado novamente se foi cozido ou assado.
3) O ideal é congelar peixes inteiros e sua pele é sua proteção.
4) Sempre identificar o produto e data do congelamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário